4-documentarios-sobre-musicos

Netflix: 4 documentários sobre músicos

Bom, como eu disse anteriormente eu amo o formato de documentários, principalmente quando eles são biográficos. Algum tempo atrás eu dividi com vocês 3 documentários sobre Arte que valem a pena e agora venho falar sobre música.

As opções são muitas na plataforma e eu acho isso ótimo. Muito deles são produzidos pela própria Netflix, com isso a chance de sair de catálogo é pequena. Também acho interessante que eles não ficam presos apenas em banda/artistas norte-americanos, mas sim a quem fez história na música.

Então chega de bla-bla-blá e vamos às minhas indicações:

  • WHAT HAPPENED, MISS SIMONE?

Gente, que documentário forte. Forte por conta da vida da Nina que realmente foi pesada. Eu não conhecida nada sobre a vida dela, apenas algumas músicas e fiquei impressionada como ela foi uma mulher forte e guerreira. Ao longo do documentário vimos como ela sofre com problemas de saúde, com o marido abusivo, com a carreira que não era a sonhada inicialmente e como ela luta por direitos sociais negros nos anos 1960 e 1970. Por outro lado vemos como a derrocada acontece, muito em função da imprensa que boicota uma artista que luta por direitos sociais e políticos  (e que, convenhamos, faz isso até hoje). O mais chocante é perceber que uma artista tão incrível, com conhecimento tão extenso de piano, pode ter sido deixada de lado apenas por fazer música com teor político e lutar por algo que não é nada menos que o mínimo a qual qualquer pessoa teria direito. Ver o relacionamento dela com o marido também foi algo que me chocou. Talvez eu tenha ficado mais chocada com a naturalidade com que ele falou sobre os inúmeros casos de abusivo que cometeu. Ver como ela, apesar de ter sofrido tanto abuso, passou a reproduzi-lo, também é algo que me fez pensar muito em como esse ciclo é vicioso e em como é forte quem consegue romper com ele sem ajuda. O documentário é importantíssimo para quem deseja entender alguns ciclos de vida tão comuns de muitos artistas, onde passam por auge e derrocada, além de ser extremamente importante para entender com propriedade as letras de músicas tão famosas dela e também conhecer mais sobre a obra dessa artista tão incrível do século XX.

Duração: 102 minutos

Classificação: 14 anos

Ano de lançamento: 2015

  • JOE COCKER: MAG DOG WITH SOUL

Eu conhecia muitas músicas dele, mas não sabia nada da história. Nada mesmo. Não fazia ideia de que ele era inglês, de que tinha cantado para Rainha Elizabeth em um de seus aniversário e nem de que tinha recebido uma medalha pelos serviços prestados pela música. A única coisa que eu sabia é que ele não tinha morrido de overdose, mas sim com idade já avançada (ele morreu com 70 anos de idade de cancer de pulmão).

Nesse documentário eles mostram através de depoimentos da família, amigos e colegas de trabalho como ele iniciou a carreia nos anos 1960, o show incrível em Woodstock que foi considerado por muitas pessoas o “show do século”, como ele deixou o vício em drogas e álcool derrubar sua carreira e como ela foi reerguida com mais comoção do que da primeira vez.

O que mais me deixou impressionada foi ver como a destruição por conta das drogas foi pesada. Ele passou de um homem bonito e atraente (porque né? Eu curto um estilo assim, digamos, mendigo HAHAHA) para um homem que parecia aquele tio bêbado pai de um colega que faz você querer se manter longe mesmo sem ele apresentar nenhum sinal de violência, e tudo isso em cerca de 6 anos. Pelos depoimentos, ele sempre se mostrou ser um cara amável, gentil e agradável. mesmo nos momentos mais sombrios isso ainda se manteve lá e olhando para as imagens, eu concordo. Tive a impressão de que ele manteve o olhar sereno e amável apesar de tudo. Vale assistir com os ouvidos abertos para a música maravilhosa que ele tem, mas também com os olhos em atenção para tudo o que aconteceu na vida dele.

Duração: 90 min

Classificação: 14 anos

Ano de lançamento: 2017

  • JANIS – LITTLE GIRL BLUE

Todo mundo conhece, pelo menos, uma música de Janis. Todo mundo sabe como a voz dela era poderosa e como ela faleceu aos 27 anos. Mas era só isso que eu sabia. Não conhecia muito das músicas além das big famosas e de como todos os artistas que optam pelo rock a veneram. Assisti ao documentário para saber mais sobre a vida dela e que surpresa eu tive. Das imagens que tinha visto, fazia uma ideia completamente oposta ao que ela de fato era.

Que ela era uma gênia cantando e interpretando, isso eu sabia, mas não fazia ideia de que tinha sofrido de bullying durante o período escolar. Foi exatamente isso que a fez virar uma estrela da música. Não fazia ideia de que ela tinha passado um tempo no Brasil e, obviamente, como isso a influenciou.

O documentário é difícil de assistir, mas principalmente difícil de digerir, principalmente depois de notícias tão terríveis envolvendo bullying e adolescentes. Janis sofreu calada, fazendo mal apenas a ela mesma e morreu por isso, por esses momentos em que a dor era tão grande que ela só pensava em fugir!

Duração: 103 min

Classificação: 14 anos

Ano de Lançamento: 2015

  • NAT KING COLE: AFRAID OF THE DARK

Quem não conhece Nat bom sujeito não é HAHAAH Talvez, sua música mais conhecida tenha sido Unforgettable, princialmente o dueto com a filha Natalie. Nesse documentário, por exemplo, ficamos sabendo que para essa versão acontecer, Natalie precisou brigar e sair da gravadora que estava. Cheio de depoimentos emocionados das filhas e da esposa, conhecemos um pouco mais desse artista que lutou de forma silenciosa contra o preconceito racial, que teve um programa de TV, que gravou músicas inesquecíveis. Muitos desses fatos são conhecidos do grande público, mas é sempre bom saber com outros olhos, como muitas vezes acontece quando os amigos e família enxergam de forma diferente um acontecimento marcante. O documentário é permeado com muitas imagens de apresentação do artista e sua voz inesquecível! Não deixe de assistir!!!

Duração: 93 min

Classificação: 12 anos

Ano de Lançamento: 2014

Eu amei assistir a todos esses documentários e conhecer um pouco mais sobre a vida e obra de vários desses artistas tão maravilhosos! Como eu falei, alguns deles eu conhecia poucas músicas, outros eu sabia mais detalhes da vida, mas é sempre bom saber mais até para nos fazer admirar e entender melhor a carreira musical!

A Netflix esta recheada de documentários sobre músicos e eu tenho alguns posts sobre o assunto, mas aguardem que estou preparando uma série legal de posts para os próximos meses #vemcoisaboaporaí 😉 , mas antes disso, deixem nos comentários mais informações sobre outros documentários e a opinião, caso já tenham assistido ou após assistir a esses!

Bjks

Imagem: Pexels (modificada)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *